I Passeio Ciclístico da EMSERH alerta para a importância da atividade física para a saúde

O I Passeio Ciclístico EMSERH promoveu lazer e solidariedade no último fim de semana. O encontro foi realizado pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH) no domingo (13), na Avenida Litorânea. Cerca de 100 pessoas participaram do evento pedalando ou caminhando em um percurso de 4km, respeitando as normas de prevenção à Covid-19. O passeio foi um alerta para a importância da atividade física para a saúde. 

A ideia era reunir os profissionais da empresa e comunidade em uma atividade de saúde e, ainda, fazer o bem em uma ação de solidariedade, uma vez que os inscritos doaram cestas básicas, que foram doadas para os idosos assistidos pela Associação Beneficente das Mães da Vila Nova. Mais de 80 cestas foram arrecadadas.

Entre os presentes estava o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula. “Esse é o sentido da gente poder celebrar. Esse ano foi muito difícil. Não teríamos condições de fazer uma festa em ambiente fechado, fazer uma comemoração tradicional. Optamos por esse passeio, por aliar várias coisas. Primeiro poder cuidar das pessoas, com as inscrições poderemos fazer doações a comunidades carentes. E a gente está confraternizando também, fazendo uma atividade física ao ar livre. É ótimo que a gente possa colaborar nesse sentido simbolicamente com a sociedade e com os profissionais da saúde”, disse Carlos Lula. 

“É uma atividade que carrega muito simbolismo. Este ano de 2020, principalmente para os profissionais da saúde, foi um ano muito difícil e muito desafiador. Esse passeio tem a importância da prática esportiva e da solidariedade, com um gesto simbólico. Esperamos que 2021 seja ainda desafiador, porém bem melhor. No próximo ano esperamos contribuir mais, melhorar ainda mais a nossa rede pública de saúde. Os profissionais de saúde da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares estão todos de parabéns”, afirmou o presidente da EMSERH, Marcos Grande. 

As cestas básicas arrecadadas foram doadas na ocasião à Associação Beneficente de Mães da Vila Nova. A associação oferece aos moradores da região creche para crianças de 0 a 5 anos, Ensino Fundamental até o 5º ano e atividades culturais e esportivas a 35 idosos. 

“Gostaria de elogiar a iniciativa desse passeio e agradecer. Essa doação é muito importante e chegou em boa hora, nesse momento tão difícil que estamos vivendo, combatendo um inimigo que a gente nem conhece. Na nossa área, periferia de São Luís, as pessoas precisam muito dessa ajuda num momento como esse”, afirmou Edilson Pinto, coordenador da Associação Beneficente de Mães da Vila Nova. 

Todos os protocolos de saúde para evitar contaminação pela Covid-19 foram cumpridos à risca, como o distanciamento seguro e uso obrigatório de máscara. E também a disponibilização de ambulância, máscaras descartáveis, água e lanche individual. Na ocasião houve também o sorteio de seis bicicletas, doadas pela loja Jotacicli. 

O professor de educação física Washington Rocha foi um dos ganhadores no sorteio. Ele veio do município maranhense de Vargem Grande somente para participar do Passeio Ciclístico da EMSERH. “Tenho hábito da prática de atividade física, sou praticante de corrida de rua e recentemente me tornei adepto do ciclismo. Quando eu vi a proposta desse evento, eu não pensei duas vezes. Não tem como não ser interessante um passeio desse, na orla, um ambiente agradável, além de poder ajudar outras pessoas com a doação de cestas básicas”, avaliou o professor. 

Ao final do passeio, quatro profissionais de saúde disponibilizaram aos participantes massagens terapêuticas de recuperação pós-exercício, do tipo Recovery Muscular. “Essa terapia atua de modo preventivo, potencializa e assegura uma recuperação muito mais rápida, prevenindo lesões e inflamações, além de possibilitar a melhora na recuperação por meio de correntes de massagem”, destacou Aarão Aguiar Menezes Neto, fisioterapeuta e especialista da Qualidade na EMSERH.