Atleta maranhense de rugby visita Secretaria de Esporte e agradece apoio do Governo

“Foi uma experiência muito boa, treinei junto com as meninas da Seleção Brasileira de Rugby em uma das academias em São José dos Campos, no estado de São Paulo. Lá, tivemos todo apoio desde fisioterapia até psicólogo e não tinha diferenciação; tive o mesmo tratamento da seleção brasileira. Foram seis meses de muito aprendizado. O apoio do Governo do Estado foi importante, pois foi uma preocupação a menos que tivemos. Esse apoio é de suma importância para nós que saímos para fora do estado apostando que podemos dar certo no esporte”, disse Rafaela Cindy ao visitar a Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), na tarde desta terça-feira (22).

De volta à São Luís, Rafaela, que já se destacou também no judô, disse que pretende voltar a treinar no judô e desenvolver projeto envolvendo o rugby. A atleta recebeu apoio do governo, por meio da Sedel, para treinar com a Seleção Brasileira Feminina de Rugby em São Paulo.

O Rugby

O esporte surgiu na Inglaterra em 1871 como um “parente” do Futebol que conhecemos, porém com maior contato físico e com a bola correndo nas mãos dos jogadores, e acabou gerando também o chamado Futebol Americano. O Rugby chegou ao Brasil no final do século XIX, trazido pelos ingleses que trabalhavam nas estradas de ferro do estado de São Paulo. Charles Miller, conhecido como o “pai” do futebol no Brasil por ter trazido a primeira bola e organizado a primeira partida, em 1894, também é o introdutor do Rugby no nosso país. Ele foi um dos fundadores do São Paulo Athletic Club (SPAC), o mais tradicional clube de Rugby brasileiro.