Tricolor entra em campo para buscar vaga na final

Esta máxima já foi dita por aqui, algumas vezes: Quem é Sampaio sempre acredita! Hoje é outro dia para compactuar desta afirmativa e se postar ao lado da Bolívia Querida em mais uma empreitada que, a olhos céticos, parece distante.

A missão é árdua. A desvantagem é grande, mas a luta não acaba enquanto o gongo não soar. Sim, faltam noventa minutos. Mais um round para buscar a vaga na final. É só isso que importa.

Ninguém bate tão forte quanto a vida, já disse um célebre lutador. Hoje, é o Sampaio quem precisa bater mais. Lutar para sobreviver. Acreditar até o último instante. Até o fim. É este o pensamento. É esta a razão que move a fúria Tricolor.

Quem não acreditar, já tem um pretexto para ficar em casa. O Castelão é lugar de quem confia, e assim é a torcida boliviana. Ela crê. Enquanto o cronômetro não zerar, a chama Tricolor segue acesa. Não é um conto. É mística. É Sampaio.

[match id=4]