Prefeitura de São Luís promove eliminatórias da Copa de Escolinhas de Base de Futebol de Campo

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel), está promovendo as partidas eliminatórias da Copa São Luís de Escolinhas de Base de Futebol de Campo, programação que integra o projeto dos Jogos Escolares Ludovicenses (JELs), sendo disputado em quatro categorias (Sub-10, Sub-12, Sub-14 e Sub-17), reunindo todas as escolinhas de futebol mantidas pela pasta na capital. A abertura desta fase dos jogos aconteceu no último domingo (6). Nesta terça-feira (8), foram realizadas oito partidas. Esta etapa vai até quinta-feira (10), com jogos diários pela manhã e pela tarde, no Estádio Municipal Nhozinho Santos, que foi reformado recentemente pelo prefeito Edivaldo Holanda Junior.

A competição integra a política de incentivo ao esporte e lazer desenvolvidos ao longo da gestão do prefeito Edivaldo. “Muitas das nossas ações de estímulo ao esporte têm sido pautadas no desenvolvimento de competições como esta, promovendo as categorias de base do futebol, por meio das escolinhas, para que pudéssemos dar oportunidades aos novos talentos e, ao mesmo tempo, desenvolver o espírito de disciplina e do bom convívio social e familiar entre os jovens atletas”, ponderou o prefeito Edivaldo.

De acordo com o secretário municipal de Desporto e Lazer, Jasson Lago Júnior, a realização do torneio tem por objetivo contribuir para a educação e disciplina dos alunos que integram as escolinhas de futebol participantes, apoiadas pela Prefeitura ou ligadas a outras instituições, e vai ao encontro das políticas que o prefeito Edivaldo tem executado para fortalecer o esporte na cidade. “Nosso principal objetivo é fomentar o esporte para crianças e jovens de São Luís. Por meio do esporte, conseguimos estimular e desenvolver os benefícios educacionais e comportamentais destes alunos. Para além disso, temos tentado aproximar toda a comunidade, e não só o esporte profissional, desse grande monumento do futebol que é o Estádio Nhozinho Santos, que acaba de ser reformado pela Prefeitura de São Luís”, destacou o secretário Jasson Lago Júnior.

O coordenador da escolinha de futebol do Coroadinho, José dos Santos, mais conhecido como Zé Kiriri, destacou a relevância da competição. “Esse é o sonho desta garotada, entrar em campo no Estádio Nhozinho Santos, defender o seu time e, quem sabe, dar um passo importante para outras categorias do futebol profissional”, comentou. Segundo ele, mais recentemente, o Palmeiras do Rio Grande do Norte fechou contrato com um jogador que iniciou a carreira na Copa de Escolinhas de Base. “O nome dele é Mikeias, de 18 anos, que jogou na escolinha do Coroadinho dos 8 anos até os 14 anos de idade, depois disso passou por algumas categorias de base e, hoje, está de contrato assinado”, frisou Kiriri.

TORNEIO

Dos jovens atletas que entraram em campo, o volante Diego Jansen Costa, de 13 anos de idade, volante do time da Vila Embratel, destacou com orgulho uma jogada na qual participou. “Uma partida bastante disputada. Eu estava na jogada importante em que toquei a bola pela lateral para o atacante marcar o gol. Foi o meu melhor lance na partida”, comemorou Diego.

O time do Diego, por sinal, venceu a partida contra o Atlético Ludovicense por 2 X 0. No total, cerca de 30 times estão tendo a oportunidade de jogar no Gigante da Vila Passos nesta etapa de eliminatórias da competição, e quem vencer terá a oportunidade de jogar a fase classificatória para a grande final.

Isto significa que o torneio se constitui de três fases, a próxima delas já garantida para a garotada da Cohab que goleou a Vila Itamar por 4 X 0, pelo Sub-14, e, pela Sub-17, a Cohab também alcançou a vitória por 2 X 0 sobre o Vila Itamar – times que abriram o campeonato no último domingo. Até quinta-feira, serão realizadas as partidas eliminatórias válidas pela primeira fase da Copa São Luís de Escolinhas de Base de Futebol de Campo, sempre no Estádio Nhozinho Santos, a partir das 8h.

Devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a organização do torneio adotou várias medidas preventivas como o uso de máscaras e álcool em gel, além de manter distanciamento social. Além disso, a competição está sendo realizada com portões fechados, sem a presença de público e tem como principal objetivo proporcionar acesso de muitos meninos de famílias carentes ao Estádio Municipal Nhozinho Santos.

NHOZINHO SANTOS

O Estádio Municipal Nhozinho Santos, também conhecido como o Gigante da Vila Passos, completou neste ano sete décadas de história e passou por uma reforma ampla, estrutural e de readequação às normas de segurança. Com a reforma, o estádio foi adaptado seguindo todas as normas técnicas e de acessibilidade, necessárias para receber jogos estaduais e nacionais. Um dos destaques da obra foi a implantação de grama sintética na área dos vestiários para que os atletas possam fazer seu aquecimento com mais tranquilidade e sem precisar ir ao campo.

O estádio recebeu um sistema de iluminação mais eficiente, além de mais econômico, todo em LED. Com isso, as partidas podem ser realizadas tanto durante o dia quanto à noite. Os banheiros e vestiários ganharam novas louças sanitárias e foram modernizados, assim como a área dos bares e lanchonete, que ficaram mais amplos e atendem às necessidades reivindicadas pelos frequentadores. A arena também conta com uma rede de combate a incêndio.

A Prefeitura realizou a substituição de todo o gramado. Anteriormente, o campo tinha sete diferentes tipos de grama, além de erva daninha. Agora, apenas um tipo de grama cobre o espaço que recebeu o mesmo gramado que o Estádio do Maracanã (RJ). Para a conservação dessa nova estrutura, um novo sistema de irrigação foi implantado. O Estádio Nhozinho Santos também recebeu nova pintura interna e externa; portas e portões também foram trocados.

Também foram corrigidas as fissuras nas estruturas de aço existentes, substituídos equipamentos que não tinham mais utilidade para manter intacta a infraestrutura e foi realizada a impermeabilização de todo o estádio, que tinha, pelo menos, 130 pontos de infiltração, o que ameaçava a estabilização do prédio e a segurança dos torcedores. Entre as modificações acrescentadas estão a recuperação de toda a parte hidráulica e elétrica; das cabines da rádio transmissão; limpeza do poço artesiano que abastece o espaço; restauração do placar eletrônico e das torres de iluminação.

TABELA DE JOGOS

TERÇA-FEIRA (8) // NHOZINHO SANTOS

8h – Vila Embratel/NS x Ludovicense (Sub-14)

9h – Vila Embratel/NS x Boleirinhos (Sub-17)

10h – Atlântico x Boleirinhos (Sub-14)

11h – Atlântico x A.C. Pirapora (Sub-17)

14h – Bom Jesus x Fialho (Sub-17)

15h – Fumacê x Fialho (Sub-14)

16h – Vila Embrate/AD x Cepac (Sub-17) 

17h – Olimpykus x Vila Embratel/AD (Sub-14)

QUARTA-FEIRA (9) // NHOZINHO SANTOS

8h – Ulbra x Areinha (Sub-14)

9h – Cidade Operária x Ulbra (Sub-17)

10h – Anil x Paz e Vida (Sub-14)

11h – Anil x Jardim América/ED (Sub-17)

14h – Fumacê x Vila Nova (Sub-17)

15h – Vila Nova x Juventude (Sub-14)

16h – Cidade Olímpica x Coroadinho (Sub-17) 

17h – Cidade Olímpica x Cepac (Sub-14)

QUINTA-FEIRA (10) // NHOZINHO SANTOS

8h – A.C. Pirapora x Turu (Sub-14)

9h – Itapera x Turu (Sub-17)

10h – Forquilha x Coroadinho (Sub-14)

11h – Juventude x Areinha (Sub-17)