Maranhão tem dois convocados para o Mundial de Esportes Aquáticos

O Maranhão terá dois representantes na delegação do Brasil para a disputa de águas abertas do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos (World Aquatics Championships), que ocorre entre os dias 1° e 10 de fevereiro, em Doha, no Catar. O nadador Henrique Figueirinha, da Atlef/Nina, vai competir na categoria masculina, enquanto Alexandre Nina, treinador e presidente da Federação Maranhense de Desportos Aquáticos (FMDA), integrará a comissão técnica da delegação brasileira de águas abertas como chefe de equipe.

Com um currículo repleto de conquistas no cenário estadual, nacional e sul-americano de águas abertas, Henrique Figueirinha garantiu a classificação para representar o Brasil no Mundial de Esportes Aquáticos após faturar o título da seletiva brasileira em 2023. O Mundial é a grande oportunidade para o representante maranhense garantir a inédita participação na disputa masculina da modalidade nos Jogos Olímpicos de 2024, em Paris, na França.

Para Alexandre Nina, as convocações são um sinal de que a natação maranhense está no caminho certo. “A natação maranhense está muito orgulhosa por viver um momento de grande esperança e expectativa nesse início de 2024. É uma oportunidade ímpar para termos mais um representante do nosso Estado nas Olimpíadas, a FMDA fica muito feliz de ter essa representatividade valorizada perante a CBDA”, pontuou.

O dirigente destacou a importância destas convocações para o Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos para o fortalecimento da Atlef/Nina e, consequentemente, da modalidade no Maranhão. “Como clube, a Atlef/Nina se sente muito honrada em poder representar o país e muito orgulhosa por desenvolver um trabalho que rende tantos frutos positivos na natação do nosso estado e do Brasil. É um valor incomensurável esse momento. A gente espera conseguir essa classificação, para atrair mais visibilidade para os esportes aquáticos e mais reconhecimento para o desenvolvimento desse trabalho dentro do Maranhão. Não podemos deixar de agradecer à Equatorial Energia e ao Governo do Maranhão, que são responsáveis pelo apoio a esse trabalho, por meio do projeto Nado Olímpico, fortalecendo ainda mais a preparação do atleta para chegar a esse momento tão sonhado”, explicou Alexandre.

Vale lembrar que a Atlef/Nina é, atualmente, o principal clube de natação do Maranhão e referência nacional na modalidade. Somente em 2023, a equipe emplacou conquistas em eventos estaduais, regionais, nacionais e internacionais. A Atlef/Nina teve vários destaques individuais, que colecionaram medalhas e representaram o Maranhão em alto nível. Heitor Raiol, Henrique Figueirinha, Noam Franchi, Giovanni Boninsenha, Paulo Marcelo de Jesus, Juan Rodrigues e Iago Aguiar foram os principais atletas masculinos, enquanto Carol Hertel, Milena Bordalo, Isadora Baldez, Cecília Damasceno e Pema Franchi tiveram grandes desempenhos na categoria feminina.