Clube de Kart de São Luís adota medidas sanitárias para retomada do campeonato neste sábado (04)

O Clube de Kart de São Luís realiza, neste sábado, a 2ª Etapa do Campeonato Maranhense de Kart.  Pela primeira vez, por conta da pandemia, o evento não será aberto ao público. CKSL tomará ainda todas as medidas sanitárias previstas em documento apresentado e aprovado pela Secretaria Municipal de Desportos e Lazer para realização da etapa.

A disputa das baterias, que eram realizadas apenas em um turno, agora serão distribuídas ao longo de todo o sábado a fim de evitar aglomerações. Na manhã de sábado, das 08:30 às 12:00 entram na pista os pilotos da categoria Cadete e F4 (GRADUADOS, NOVATOS E SÊNIOR). A partir das 14:00, será a vez dos pilotos da categoria principal, 2T, acelerarem no Kartódromo João Salém. A segunda bateria disputada por esta categoria está prevista para terminar às 16:45 e não haverá cerimônia de entrega de troféus para evitar aglomerações.

MEDIDAS SANITÁRIAS ADOTADAS PARA REALIZAÇÃO DA COMPETIÇÃO ESTADUAL:           

MONITORAMENTO DAS CONDIÇÕES DE SAÚDE

 1. Controle de acessos em geral, inclusive com credenciamento nominal de todos os que forem adentrar a praça desportiva/parque de manutenção ou apoio;

2. Ausência de público

3. Antes de adentrar a praça desportiva/parque de manutenção ou apoio, todos deverão ter sua temperatura corporal medida, através de termômetro infravermelho. Aquele cuja temperatura seja superior a 37,5ºC não poderá adentrar a praça;

4. Desinfecção de todo material e dos participantes que forem adentrar a praça desportiva/parque de manutenção ou apoio, que pode ser feita com álcool a 70%, hipoclorito de sódio ou outro desinfetante indicado para este fim;

DISTANCIAMENTO SOCIAL

 1. As atividades automobilísticas somente poderão realizadas das 08:00 às 18:00 horas;

 2. A distância de 1,5 metros entre as pessoas deverá ser respeitada, em pé ou mesmo sentados; 3. Em caso de fila, esta deverá ser organizada de forma a permitir a distância mínima de 1,5 metros entre as pessoas, conforme orientações dos Órgãos de Saúde;

4. Utilização de barreiras físicas de proteção nos pontos de atendimento e/ou credenciamento;

5. Distanciamento adequado e seguro entre os profissionais que atuam nos atendimentos realizados por todos os departamentos responsáveis pela área desportiva, tais como secretaria de prova, comissários, direção de prova, promotor e assessoria de imprensa;

 6. O atendimento deverá ser feito de forma individual, evitando aglomerações;

7. Redução de profissionais das equipes, a fim de evitar aglomerações no máximo um preparador e um mecânico por piloto;

8. A Cerimônia de entrega dos troféus está cancelada, deverá ser montada uma estratégia que impossibilite aglomerações, tais como a premiação tão somente aos vencedores com uma foto oficial, que será distribuída à imprensa pela organização do evento;

9. No procedimento de largada esteja presente o efetivo mínimo (por kart) que se fizer necessário para o início da prova, tanto no que tange às equipes, quanto aos oficiais de competição e operacionais, avaliando-se de acordo com a competição;

10. A organização vai colocar fiscais, devidamente identificados através de jalecos, numa proporção de 1 (um) fiscal para cada 20 (quinze) pessoas presentes no local da atividade como responsável por orientar e garantir que as instruções sejam cumpridas por todos, o máximo de pessoas nos locais será de 60 (sessenta), entre pilotos, preparadores e organização do evento, no parque fechado;

HIGIENE PESSOAL

1. O uso de máscara que cubra a boca e o nariz, verificando se não há espaços soltos entre a máscara e a face, é obrigatório por todos os envolvidos com as atividades enquanto estiverem dentro da praça desportiva, sob pena de retirada do local face a descumprimento. Deverá ser assegurado o cumprimento da obrigatoriedade para todos profissionais que participem das atividades;

 2. Disponibilizar álcool em gel 70%, durante todos os dias em que houver realização de atividades, em pontos estratégicos como a entrada, o credenciamento, o controle de acesso, as salas de espera, os sanitários, a refeitório/praça de alimentação, dentro dos boxes e assemelhados, salas de comissários e direção de prova, mas não se limitando a esses;

3. Provimento de condições para adequada higienização das mãos: lavatório/pia com dispensador de sabonete líquido, suporte para papel toalha, papel toalha, lixeira com tampa e abertura sem contato manual, para uso de todos, tanto na secretaria, quanto em outros pontos dentro do serviço, minimizando o possível contato e evitando a sua circulação pelos serviços de saúde;

4. Disponibilização de lenços descartáveis para higiene nasal e lixeira com acionamento por pedal para o descarte;

5. Será proibido o compartilhamento dos objetos pessoais de trabalho, tais como, fones de ouvido, headsets, celulares, canetas, computadores, tablets, entre outros;

 6. Será proibido o compartilhamento de ferramentas entre mecânicos e/ou equipes;

7. Manter higienizados todos os equipamentos/ferramentas, capacetes, computadores, qualquer outro equipamento que possua painel eletrônico de contato físico dentro dos ambientes;

8. Não deverá haver compartilhamento de talheres, pratos e copos.

LIMPEZA E HIGIENIZAÇÃO DE AMBIENTES

 1. Reforçaremos a equipe de limpeza, devendo todos os profissionais estar devidamente equipados com seus EPIs e material de limpeza desinfetante;

2. Providenciaremos a Limpeza e Desinfecção de ambientes e superfícies para garantir a frequência e as melhores práticas para redução da carga viral nos locais, que pode ser feita com álcool a 70%, hipoclorito de sódio ou outro desinfetante indicado para este fim;

3. Será realizada uma higienização de todas as mesas dos refeitórios antes e após a utilização das mesmas;

4. A organização vai colocar fiscais, devidamente identificados através de jalecos, numa proporção de 1 (um) fiscal para cada 20 (quinze) pessoas presentes no local da atividade como responsável por orientar e garantir que as instruções sejam cumpridas por todos, o máximo de pessoas nos locais será de 60 (sessenta), entre pilotos, preparadores e organização do evento;

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO DE INDIVIDUAL (EPIs)

1. Será obrigatório que todos os envolvidos com a atividade automobilística utilizem seus Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), bem como qualquer outro equipamento de proteção que se faça necessário, durante todo o tempo em que permanecerem dentro da praça desportiva / parque de manutenção ou apoio.