Giro de Noticias

Bruno Lobo e Socorro Reis vivem expectativa pela disputa dos Jogos Pan-Americanos

Os kitesurfistas maranhenses Bruno Lobo e Socorro Reis estão preparados para um dos desafios mais aguardados da temporada de 2023: os Jogos Pan-Americanos, que ocorrem entre os dias 25 de outubro e 5 de novembro, em Santiago, no Chile. Enquanto Bruno busca o bicampeonato pan-americano, após faturar o ouro em Lima 2019, Socorro quer o inédito título para garantir a tão sonhada vaga nos Jogos Olímpicos de 2024, em Paris, na França.

Bruno Lobo, que é patrocinado pelo Grupo Audiolar e pelo governo do Estado por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, além de contar com os patrocínios do Bolsa Atleta e da Revista Kitley, viaja para o Chile com a confiança elevada pela classificação antecipada para os Jogos Olímpicos de 2024, após alcançar o Top 10 no Campeonato Mundial de Vela, realizado em agosto, na Holanda. Pouco antes, em julho, o kitesurfista maranhense ficou em quinto lugar no evento-teste da Olimpíada, na Marina de Marselha, na França.

Em sua última competição antes do Pan de Santiago, Bruno Lobo deu um grande passo em busca do heptacampeonato brasileiro após sagrar-se campeão da Copa Internacional de Kitesurf Araruama 2023 – Festival de Vela, vencendo todas as regatas do evento realizado em agosto, em Araruama-RJ.

Bruno Lobo também se destacou na Allianz Regatta, evento válido como etapa da Copa do Mundo de Vela e disputado no início de junho, em Lelystad, na Holanda. O atleta maranhense foi o melhor kitesurfista das Américas e conquistou a nona posição na classificação geral da competição. Já em abril, Bruno foi o melhor atleta das Américas, ficou em sétimo lugar entre os países e também conquistou a 11ª posição na classificação geral do Troféu Princesa Sofia, um dos eventos mais tradicionais da vela, em Palma de Mallorca, na Espanha.

Socorro Reis

Hexacampeã brasileira de kitesurf, Socorro Reis, que é patrocinada pela Fribal e pelo governo do Estado por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, além de contar com os patrocínios do Grupo Audiolar, da Revista Kitley e do programa Bolsa Pódio, viaja para Santiago nesta sexta-feira (20), com foco total em busca da medalha de ouro e da classificação para os Jogos Olímpicos de 2024.

“É uma honra estar representando o Brasil nessa competição tão importante, não vejo a hora de chegar no Chile, fazer o primeiro velejo e ter o primeiro contato com a água. Existem alguns desafios, como o frio, mas espero me adaptar logo a essas condições, colocar em prática o que eu vinha treinando e dar o meu melhor. Espero trazer bons resultados e buscar essa vaga olímpica para o Maranhão e para o Brasil. Estou muito feliz por tudo, só tenho a agradecer aos meus patrocinadores e a todos que torcem por mim. Vamos com tudo para Santiago!”, afirma Socorro.

Durante a preparação para o Pan, Socorro Reis foi campeã da Copa Internacional de Kitesurf Araruama 2023 – Festival de Vela. Com esse resultado, a maranhense se manteve na liderança do ranking brasileiro e se aproximou do heptacampeonato nacional.

Antes de brilhar na competição em Araruama, Socorro Reis defendeu o Brasil no Campeonato Mundial de Vela e conquistou um resultado expressivo na tradicional Allianz Regatta, evento válido como etapa da Copa do Mundo de Vela e que reuniu as principais kitesurfistas do mundo no início de junho, em Lelystad, na Holanda. Principal nome do kitesurf feminino do Brasil, Socorro Reis foi a segunda melhor atleta das Américas e a 21ª colocada geral na competição em águas holandesas.