Mais de 4 mil estudantes da Rede Estadual de Ensino foram envolvidos pelas atividades do Tour Judô

“Sou praticante de artes marciais e tenho vários títulos. E essa arena é irada. Eu vejo, aqui, uma oportunidade de ir para Olimpíada”. Foi com este entusiasmo e com brilho nos olhos, que José Manuel, de 10 anos, aluno da U.I. Barbosa de Godóis, escola da Rede Estadual de Ensino, entrou no tatame para um desafio com o Secretário de Estado da Educação Felipe Camarão, também praticante de artes marciais, durante a abertura oficial da Arena do Tour Judô, na manhã desta sexta-feira (04), no Shopping da Ilha.

“Começar o dia com esporte, vendo entusiasmo dos nossos estudantes, como o José e tantos outros meninos e meninas campeões e campeãs, no esporte e na vida, é sem dúvida muito gratificante. E esta parceria com a Confederação Brasileira de Judô e com a Federação Maranhense de Judô, para trazer o projeto Tour Judô, foi muito acertada e feliz. O resultado é, sem dúvida, motivador e nos enche de entusiasmo para fortalecer as práticas esportivas nas nossas escolas”, destacou Felipe Camarão que fez questão de prestigiar o evento e os estudantes presentes na Arena.

Centenas de estudantes que estiveram na Arena, puderam experimentar, gratuitamente, a prática do judô com profissionais da Federação do Maranhão, visitar um museu itinerante que conta a história do judô brasileiro e maranhense, assistir treino de atletas locais e participar de atividades culturais.

A judoca Brenda Emily Silva Berredo, 12anos, era só emoção. Ela é estudante da U.I. Barbosa de Godóis, já coleciona 12 medalhas de ouro e um sonho. “Eu quero fazer parte da Seleção Brasileira de Judô e disputar Olimpíadas, ganhar medalhas. É o meu sonho”, enfatizou a Emilly, que se inspira em uma Judoca Olímpica. “A Sarah Menezes é a minha judoca preferida”, completou.

A capital maranhense é uma das 13 cidades do nordeste brasileiro no roteiro do projeto que leva o esporte até as escolas públicas e espaços de lazer das cidades visitadas. Em São Luís, durante uma semana, mais de 4.200 estudantes de 29 escolas da Rede Estadual de Ensino foram envolvidos nas atividades de incentivo à prática esportiva, e puderam ouvir relatos de histórias inspiradoras como a da Judoca Rafaela Silva, judoca da Seleção Brasileira, e campeã Olímpica.

“Nós estamos muito felizes com o envolvimento e o entusiasmo dos nossos estudantes com as atividades do projeto. Esporte e educação andam juntos, por isso trabalhamos nesta perspectiva do desenvolvimento dos nossos jovens, também por meio do esporte”, destacou a professora Eva de Moraes, gestora da Unidade Regional de Educação de São Luís.

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) além dar todo o suporte para a participação das escolas da rede no Tour Judô, também garantiu a participação de meninos e meninas ‘Judô do Jaracaty’, um projeto social que atende a crianças e adolescentes do bairro Jaracaty. Joel Silva, de 12 anos, se encantou com a oportunidade. “Eu estou muito feliz de estar aqui, com todos estes judocas daqui de São Luís, e com esses alunos todos”, disse o estudante.

“O mais importante disso tudo é saber que a modalidade que consegue o respeito nacional, consegue chegar aos menos favorecidos. É missão da Confederação Brasileira e da Federação Maranhense de Judô, massificar esse esporte, para que possa chegar a um número cada vez maior de jovens, principalmente àqueles que precisam do esporte como um norte na vida. Estamos extremamente gratos por essa parceria com a Seduc. O evento foi um sucesso”, disse Francisco Neto “Chicão”, Presidente da Federação de Judô do Maranhão.

“Nós deixamos São Luís muito felizes, com a sensação de dever cumprido. A receptividade nas escolas foi sensacional, todo mundo participando. A arena, aqui no shopping, é um sucesso. Saímos com a certeza de que a intenção de disseminar o judô e despertar nas crianças o interesse pelo esporte foi atingida”, destacou Liliane Gontijo, responsável pela comunicação do Tour Judô.

O Secretário Felipe Camarão ressaltou ainda ações que estão sendo desenvolvidas no intuito de disseminar o Esporte Educacional nas escolas. “O esporte educacional faz bem para saúde, melhora a concentração, o foco, a disciplina e aponta caminhos. Por tudo isso o governador Flávio Dino determinou que nós priorizássemos o Esporte Educacional. E nestes oito meses à frente da Seduc, temos desenvolvido várias ações voltadas para a prática esportiva. Já começamos com a distribuição de kits esportivos; estamos com o processo de reformas e construções de quadras poliesportivas nas nossas escolas; parceria com o Tour de Judô; vamos implantar o projeto Xadrez nas Escolas, entre outras ações que têm objetivo de estimular a prática do esporte educacional.”, apontou Felipe Camarão.