Atleta do Moto é embaixadora dos Jogos Escolares da Juventude

Jogadora da equipe de handebol feminino do Moto Club/ISDH e ex-atleta da Seleção Brasileira, Sílvia Helena foi escolhida para ser embaixadora dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ) – categoria infanto (15 a 17 anos), competição nacional que está sendo realizada em Brasília. Com uma história bastante vitoriosa no handebol, a camisa 15 do Papão teve a honra de fazer parte do maior evento esportivo escolar do país. Sua missão é inspirar os jovens talentos do esporte por meio de seu exemplo positivo.

Sílvia Helena, que participou dos Jogos Olímpicos Londres 2012 e foi bicampeã pan-americana (em 2003 em Santo Domingo e em 2011 em Guadalajara), além de ter jogado por muito tempo na Europa, é uma das responsáveis pelo fortalecimento do handebol feminino no Moto Club/ISDH. Para ela, a oportunidade de passar um pouco do seu conhecimento para os novos atletas é bastante valioso.

“Uma honra ser embaixadora pela segunda vez dos Jogos Escolares da Juventude. Tive a felicidade de participar como atleta e sei da importância desse evento, que leva cidadania, educação e cultura além de revelar grandes atletas. O Instituto Sílvia de Handebol (ISDH) foi criado a partir do meu desejo de  contribuir com a base do esporte brasileiro e com a formação de atletas cidadãos”, explicou a camisa 15 rubro-negra.

Nos JEJ, em Brasília, os embaixadores interagem com os jovens atletas e participam de diversas ações promovidas pelo Comitê Olímpico do Brasil. Ao mesmo tempo que se dedica à sua função de embaixadora do handebol na competição nacional, Sílvia Helena já planeja a sequência do trabalho no Moto Club/ISDH, que se prepara para a disputa do Campeonato Maranhense Adulto.

“Apesar das dificuldades, nosso trabalho é positivo. Conseguimos realizar um 2017 vitorioso. Participamos de 10 competições das quais 9 fomos campeãs e uma vice. Isso nos dá a certeza de que com estrutura e apoio conseguiremos resultados expressivos no cenário nacional. E com a parceria com Instituto Sílvia de Handebol, pretendemos iniciar em 2018 o projeto de formação, aprimoramento e excelência de atletas dentro do Moto Club”, concluiu Sílvia Helena.