Campeonato Maranhense de Kitesurf tem recorde nacional de participantes

00Um cenário único, com um colorido que faz bem para os olhos e para a alma. As pipas dos kitesurf deram o tom ao céu nas praias de São Luís, no 4º Campeonato Maranhense de Kitesurf, realizado neste fim de semana.

A competição, promovida pela Associação de Velejadores do Maranhão (AVEMA), foi realizada durante dois dias nas praias do Meio e de São Marcos. A disputa começou no sábado (14), com a definição de títulos na segunda etapa do estadual, e seguiu até o domingo (15), com a terceira etapa de provas.

Destaque para o número de participantes que, segundo a organização, marca um recorde nacional. Foram cento e vinte (120) velejadores inscritos em duas modalidades. Maior número já registrado de atletas em uma competição paga no país, de acordo com a produção do evento.

“O Maranhão é um dos melhores locais no Brasil para o kitesurf. Temos excelentes condições para o velejo; uma orla extensa, um mar calmo e vento praticamente o ano inteiro, por isso, a modalidade vem crescendo a cada ano. Conseguir reunir 120 atletas, todos maranhenses, em um evento pago, é uma marca que nos orgulha muito e mostra que o estado tem potencial para desenvolver ainda mais a modalidade. O que é preciso é apoio, como o que recebemos da AMBEV, do Governo do Estado, por meio da SEDEL, e lei de incentivo ao esporte. Acreditamos que o Maranhão é uma potência na prática deste esporte como fonte de lazer e também na formação de atletas de ponta”, afirma Rogério Luna, presidente da AVEMA.

As provas começaram no sábado, com o Downwid: disputa de maior velocidade do kitesurf. Os competidores se encaram numa corrida a favor do vento, em linha reta, por cerca de 15 quilômetros, saindo da praia do Meio (OKP), até cruzarem as bandeiras de chegada na praia de São Marcos, na área do restaurante Biana Bistrô.

Depois, às 13h, foi a vez dos atletas maranhenses se enfrentarem no primeiro dia da Regata Bidirecional.A prova, na praia de São Marcos, foi num circuito oval de aproximadamente 2,5 quilômetros, entre boias. A disputa em cinco (5) categorias se repetiu no domingo, apontando campeões na 3ª etapa.

Em sua quarta edição, o Campeonato Maranhense de Kitesurf se destaca ainda por ser uma ação de incentivo e fomento ao esporte, turismo, lazer e entretenimento.

Esta edição do projeto acontece em 10 etapas, nos fins de semanas programados, de outubro à dezembro de 2015.

A estimativa de público durante todas as etapas é de cerca de 50 mil pessoas circulando pelas praias, com a geração de 80 oportunidades de trabalho. A lista dos campeões será divulgada nesta segunda-feira (16).