Stock Car: Rafael Suzuki abre temporada 2016 com top-10 na Corrida de Duplas

O começo da temporada 2016 da Stock Car foi muito positivo para o piloto Rafael Suzuki. Na Corrida de Duplas, que aconteceu neste domingo (6), em Curitiba, o representante maranhense dividiu o carro #8 com o argentino Franco Vivian e a dupla conquistou o 10º lugar na corrida, ao fim de 46 voltas.

A corrida foi cheia de emoções para Suzuki, que saiu na 19ª posição, foi acertado na traseira, causando a quebra do difusor de ar e prejudicando seu desempenho. Porém, o piloto usou de estratégia e salvou os acionamentos do “push-to-pass” (botão de ultrapassagem) para quando Vivian entrasse no carro. Na volta 21, Rafael entrou nos boxes para a troca de pilotos, e com uma boa parada, a dupla ganhou cinco posições.

Na segunda parte da prova, com Franco Vivian ao volante, o argentino conseguiu se beneficiar das duas entradas do safety-car, que juntaram o pelotão, e de um bom ritmo, para recuperar terreno e terminar a prova no top-10, grande objetivo de Suzuki em sua primeira corrida pela equipe Vogel Motorsport.

“Estou bem satisfeito com o resultado final, principalmente considerando que nosso carro estava todo danificado na parte traseira desde a primeira volta, quando recebi uma batida muito forte de outro piloto. Procurei ser conservador na minha parte da corrida, fui adaptando minha pilotagem ao carro que estava muito ruim por causa dos danos, economizei pneus e muitos botões de ultrapassagem para que Franco pudesse ser competitivo. Quando ele entrou no carro, tivemos sorte com a entrada do safety-car, mas ele foi muito bem comparado aos outros convidados e com muitas ultrapassagens nos trouxe um resultado promissor nesse início de temporada”, comentou Rafael Suzuki.

“Foi um prazer correr na Stock Car com o Suzuki, fizemos um bom trabalho juntos. Tivemos alguns imprevistos nos treinos e não consegui aproveitar todos os treinos, mas na corrida foi bem legal. O Rafa me indicou como estava o comportamento do carro, por causa da traseira danificada, e pude aproveitar os botões de ultrapassagens e os safety-cars para ajudá-lo a conquistar um bom resultado. Gostei bastante dessa experiência e espero voltar no próximo ano”, disse Franco Vivian.

Com um formato diferenciado, nessa prova apenas os seis primeiros somaram pontos, mas Rafael Suzuki ocupa a 10ª colocação na classificação geral do campeonato após a primeira etapa – sua melhor colocação no campeonato -, entre os 32 pilotos do grid. A próxima etapa da Stock Car acontece entre os dias 8 e 10 de abril, no Autódromo do Velopark, no Rio Grande do Sul.

Resultado da Corrida de Duplas*

1-) 80 Marcos Gomes/Antonio Pizzonia (Voxx Racing Team) – 46 voltas em 1h06min42s638 (média de 152.9 km/h)
2-) 18 Allam Khodair/Antonio F. Costa (Full Time Sports) – a 1s398
3-) 90 Ricardo Mauricio/Guilherme Salas (Eurofarma RC) – 2s149
4-) 29 Daniel Serra/Danilo Dirani (Red Bull Racing) – a 15s920
5-) 10 Ricardo Zonta/Laurens Vanthoor (Shell Racing) – a 17s271
6-) 51 Átila Abreu/Nelson Piquet Jr (Shell Racing) – a 17s947
7-) 46 Vitor Genz/David Muffato (Eisenbahn Racing Team) – a 18a348
8-) 12 Lucas Foresti/Luiz Razia (Full Time-ProGP) – a 18a731
9-) 70 Diego Nunes/Dennis Dirani (União Química Racing) – a 19s320
10-) 8 Rafael Suzuki/Franco Vivian (Vogel Motorsport) – a 23s034
11-) 28 Galid Osman/Damián Fineschi (Ipiranga-RCM) – a 23s237
12-) 5 Denis Navarro/Felipe Maluhy (Vogel Motorsport) – a 6s681
13-) 110 Felipe Lapenna/Marco Cozzi (Hot Car Competições) – a 29s710
14-) 21 Thiago Camilo/Lucas Di Grassi (Ipiranga-RCM) – a 30s236
15-) 45 Fabio Carbone/Vicente Orige (Mico’s Racing) – a 31s269
16-) 88 Felipe Fraga/Rodrigo Sperafico (Voxx Racing Team) – a 12s394**
17-) 74 Popó Bueno/Beto Gresse (Cavaleiro Racing) – a 33s054
18-) 65 Max Wilson/Vitor Meira (Eurofarma RC) – a 39s52s
19-) 6 Alceu Feldman/Tarso Marques (Mico’s Racing) – a 44.749
20-) 111 Rubens Barrichello/Augusto Farfus (Full Time Sports) – a 3 voltas
21-) 66 Felipe Guimarães/Duda Pamplona (Full Time-ProGP) – a 6 voltas
22-) 77 Valdeno Brito/Maxime Martin (TMG Motorsport) – a 6 voltas**
23-) 26 Raphael Abbate/Nicolas Costa (Hot Car Competições) – a 7 voltas
NÃO COMPLETARAM
24-) 1 Thiago Marques/Cesar Ramos (RZ Motorsport) – a 13 voltas
25-) 7 Beto Cavaleiro/Sergio Jimenez (Cavaleiro Racing) – a 14 voltas
26-) 4 Julio Campos/Allan Heillmeister (C2 Team) – a 17 voltas
27-) 0 Cacá Bueno/Ricardo Sperafico (Red Bull Racing) – a 17 voltas**
28-) 9 Guga Lima/Tuka Rocha (TMG Motorsport) – a 18 voltas
29-) 83 Gabriel Casagrande/Marcio Campos (C2 Team) – a 23 voltas
30-) 3 Bia Figueiredo/Beto Monteiro (União Química Racing) – a 27 voltas
31-) 14 Luciano Burti/Felipe Giaffone (RZ Motorsport) – a 43 voltas
32-) 63 Nestor Girolami/Franco Girolami (Eisenbahn Racing Team) – a 43 voltas
MELHOR VOLTA: Thiago Camilo/Lucas Di Grassi (21), 1:20.401 (165,4 km/h)
** #0, #77 e #88 punidos com a perda de 20 segundos no tempo total
*Resultados sujeitos a verificações técnicas/desportivas