Sampaio celebra 10 anos do título invicto da Série D

Há muitos modos de se contar uma história, e o principal deles é relembrar os momentos que culminaram no êxtase das conquistas. Assim, pode-se destacar os 10 anos do título invicto do Sampaio Corrêa na Série D de 2012. Uma lembrança para todo o sempre, que ainda desperta emoção no peito de cada boliviano.

O Castelão simplesmente lotado. Sim, o universo tricolor estava sedento, o acesso para a Série C, já garantido, não bastava, todos queriam soltar o grito de campeão. Em campo, a locomotiva boliviana não arrefeceu por nenhum minuto, e o troféu encontrou o endereço certo.

Não por acaso, os protagonistas daquela conquista ainda defendem o manto tricolor. Eloir marcou primeiro. A bola foi cruzada na área, muitos subiram, mas só ele conseguiu cabecear. 40 mil vozes explodiram no Castelão.

Pequeno, audacioso e fatal. Pimentinha já mostrava do que era capaz, e o Crac não foi capaz de pará-lo. Ao seu estilo, aquele drible, a tentativa inútil do zagueiro, a batida, o gol. 2×0. Festa enlouquecedora no Castelão. O tricampeonato brasileiro estava garantido.

Vitória que fortaleceu o trabalho de uma gestão, ratificou o compromisso de um torcedor apaixonado que virou presidente, e colocou o futebol maranhense em posição de destaque no cenário nacional. “Aquela conquista foi fundamental para chegarmos aonde estamos hoje. Montamos um grupo forte, comprometido, que deu a resposta dentro de campo. Um título merecido, que coroou também todo o planejamento fora das quatro linhas. E é assim que trabalhamos até hoje, sempre com o desejo de tornar o Sampaio cada vez mais forte”, destacou o presidente Sergio Frota.

A data é 21 de outubro de 2022, mas o torcedor boliviano pode viajar no tempo e reviver aquela emoção indescritível que explode no peito. Porque o Sampaio simplesmente é isso; alegria e paixão. Não foi ontem, não se passaram dez anos, é hoje. A Bolívia te faz gritar eternamente É CAMPEÃO!

Foto: Diego Chaves