No Castelão, Sampaio Corrêa enfrenta o Figueirense-SC pela Série B

Em partida adiada da quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série BSampaio Corrêa Figueirense se enfrentam nesta quarta-feira, às 16h, no estádio Castelão. O jogo aconteceria no dia 19 de agosto, mas foi remarcado por surto de covid-19 no time maranhense.

Desta vez, quem sofre com casos em massa da doença é o time de Santa Catarina. Ao todo, foram 17 testes positivos para o novo coronavírus, entre jogadores e comissão técnica. A diretoria alvinegra protocolou pedido de novo adiamento, negado pela CBF, pois só seria acatado se a equipe tivesse menos que 13 atletas disponíveis, o que não é o caso do Figueirense.

BOLÍVIA QUERIDA

Sem perder há cinco partidas, o Sampaio Corrêa segue em plena reabilitação na Série B. De vice-lanterna, a equipe passou para a 14ª colocação, com 17 pontos.

Para a partida contra o Figueirense, a Bolívia Querida terá quatro alterações, sendo duas delas por desfalques. O lateral-esquerdo João Victor, substituído na partida diante do Botafogo-SP com entorse no joelho esquerdo, e o zagueiro Joécio, suspenso, são baixas para o técnico Léo Condé.

Além disso, o lateral-direito Luís Gustavo retorna após cumprir suspensão automática e o atacante Gustavo Ramos foi liberado pelo Departamento Médico e deve reforçar o setor ofensivo do time maranhense.

FIGUEIRA

Como dito, o Figueirense foi acometido por um surto de covid-19 em seu elenco e comissão técnica. As mudanças na equipe já iniciam no banco de reservas. O técnico Elano é um dos casos positivos e não comandará o Alvinegro, dando lugar a Rafael Rodrigues, auxiliar da preparação física.

Os 17 casos de coronavírus no Figueirense são: os goleiros Vitor Caetano e Rodolfo Castro, o lateral-direito Elacio Córdoba, os zagueiros Alemão e Paulo Ricardo, os volantes Heryck e Matheus Neris, os meias Marquinho, Dudu e Everton Galdino, o atacante Diego Gonçalves, o treinador Elano e mais cinco integrantes da comissão.

Em contrapartida, a equipe conta com quatro atletas recuperados da doença: os laterais Brunetti e Sanchez, o volante Geovane e o atacante Nicholas. Eles já voltaram aos treinamentos e estão disponíveis para o confronto.

Além disso, o nome de Alecsandro apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF e o atacante pode fazer sua estreia diante do Sampaio Corrêa.

O Figueirense está na zona de rebaixamento da Série B, na 17ª colocação, com 14 pontos, e busca a reabilitação fora de casa. A equipe não vence há duas partidas dentro da competição nacional.