Imperatriz se reapresenta e volta aos treinos

Depois da parada obrigatória para comemorar a virada do ano, os jogadores do Imperatriz se reapresentaram e retornaram aos treinos na manhã desse sábado (2), no CT Walter Lira.

Após a tradicional preleção do treinador Marcelo Salles, os jogadores foram submetidos a treinos físicos e treino técnico, com o uso do campo número dois do CT Walter Lira dividido ao meio. Mais uma vez, o domínio e o toque de bola foram as preocupações do treinador. O time trabalhou ontem em dois períodos. À tarde, no mesmo local, novo treino físico, seguido de técnico.

Hoje, também no CT Walter Lira, os jogadores trabalharão fisicamente, mas desta feita na quadra de areia do CT, para aprimorem o condicionamento físico. A tarde será de repouso.

A partir desta segunda-feira (4), os treinos serão intensificados, com maior preferência para o tático, tendo em vista que a primeira competição de 2016 para o Imperatriz, o Campeonato Maranhense, vai começar dia 24 de janeiro (domingo), podendo ser antecipado para o dia 23 (sábado), já que a diretoria do Cavalo de Aço solicitou à Federação Maranhense de Futebol (FMF) a antecipação dos seus jogos nos fins de semana para as noites de sábado.

Ontem, finalmente desembarcou em Imperatriz o zagueiro Clayton He-Man, um dos remanescentes do time campeão maranhense. Junto a ele chegou outro zagueiro, cujo nome ainda não foi informado pela diretoria cavalina. Para esta segunda-feira, estão sendo esperados o atacante Cris e o goleiro Lucas, para que o grupo seja completado.

A última lista de dispensas deverá sair até a próxima segunda-feira, como forma de enxugamento do plantel.

O Imperatriz vai estrear no Campeonato Maranhense 2016 contra o Maranhão. Paralelamente ao Estadual, vai disputar a Copa do Nordeste, que tem início previsto para o dia 14 de fevereiro. Em seguida, também disputará a Copa do Brasil. Portanto, um ano de ficar para a história do Cavalo de Aço devido a grandes atividades. E o time colorado ainda poderá disputar este ano o Campeonato Brasileiro Série D. Isso caso seja campeão ou vice do Campeonato Maranhense de 2016.

 

Fonte: O Progresso