Marcinho Guerreiro acredita no poder de reação do grupo Tricolor