Marcelo Medeiros assume liderança nos Quadriciclos no Rally dos Sertões

232162_430972_102_rs14_marcelomachado_032134_alta_medeirosQuatorze quadriciclos completaram a 3ª etapa do Sertões, nesta terça-feira. A vitória ficou com o maranhense Marcelo Medeiros (Taguatur Racing), que havia vencido o prólogo em Goiânia e fez o tempo de 2h46min58s na especial do dia. Com o resultado, o piloto também assumiu a liderança no geral, com 1min57s de vantagem para Robert Nahas (RNN Sports), que terminou em quarto nesta terça, e 3min45s à frente do polonês Rafal Sonik (Sonik Team), que foi o terceiro no dia. O segundo lugar na especial ficou com Gabriel Varela (Divino Fogão Rally Team).

A categoria já conta com três vencedores diferentes em cada etapa. Sonik venceu a primeira, Nahas a segunda e agora Medeiros. O resultado animou o maranhense que na 2ª etapa cometeu um erro de navegação e perdeu tempo.

“O dia maior das três etapas, um dia que larguei em quinto nos quadriciclos, então tive muitos obstáculos nas ultrapassagens. Acabei ultrapassando dois quadriciclos e uma moto e fiz o melhor tempo da categoria. Acho que amanhã a especial é mais longa, com mais de 300 quilômetros e o jeito é manter o ritmo com segurança”, observou Medeiros, campeão da categoria em 2012.

Varela também finalizou a especial satisfeito. “Foi um dia muito bom, mais aberto, deu para acelerar bastante, não tinha tantos saltos, teve muita navegação no começo. Consegui entrar em todas as referências, sem perder tempo nenhum e acho que foi um belo dia”, avaliou.

Já Sonik, que havia cometido um erro na especial de segunda-feira, voltou a ter problemas. “Eu tive um erro que me custou uns 10 minutos hoje. Larguei atrás e peguei muita poeira, então tive que lutar, mas estava muito perigoso para ultrapassar. Tive que esperar muitos quilômetros para passar algumas motos”, explicou o polonês, que venceu o Sertões em 2010.

 

Foto:Marcelo Machado / Webventure